quinta-feira, 30 de outubro de 2014

Repórter Ceará entrevista Camilo Santana

Será entrevistado nesta quinta-feira, 30, a partir do meio dia, no Programa Repórter Ceará, da Rádio Campo Maior AM 840, Camilo Santana (PT), eleito Governador do Ceará.

Camilo Santana é um engenheiro agrônomo, professor e político brasileiro, filiado ao Partido dos Trabalhadores (PT). Foi eleito o deputado estadual mais votado do Ceará em outubro de 2010, com 131.171 votos. Em 2014, foi eleito governador do estado do Ceará e irá assumir o cargo a partir de janeiro de 2015.

Acompanhe ao vivo: http://www.sistemamaior.com.br/webradio_player.php?radio=am

Postado por: Jornalismo - Sistema Maior de Comunicação

Após Quixeramobim, Marum Simão lança livro em Fortaleza

Após lançar sua quarta obra literária em Quixeramobim, o professor, historiador e escritor, Marum Simão, em parceria com a Sociedade Cearense de Geografia e História e a Associação Cearense de Escritores, promove dia 12 de novembro, no Náutico Atlético Cearense, em Fortaleza, o lançamento do livro de sua autoria, “Civilização do Couro e a História do Boi o Rabinho da Geralda”.

Com apresentação do ex-deputado e advogado, Leorne Belém, o livro objetiva demonstrar como a civilização do couro foi importante na colonização do nordeste brasileiro e sua influência na literatura. O ‘Ciclo do Gado’ foi o período em que surgiu o poema “O Rabicho da Geralda”, o qual conta a história de um boi barbatão que não se deixava pegar.

Segundo Antônio Bezerra essa história ocorreu em Quixeramobim e foi objeto de vários comentários de autores como José de Alencar, Sílvio Romero, Gustavo Barroso, Rodrigues de Carvalho, Danilo Patrício e Gilmar de Carvalho, dentre outros. Marum lembra que o livro está bem ilustrado e pelo seu conteúdo que fala do boi, vaqueiro, cavalo, cachorro e do poema, serve também de fonte de pesquisa para as escolas e cursos superiores.

Serviço
Data: 12 de novembro de 2014 (quarta-feira)
Hora: 19:30h
Local: Náutico Atlético Cearense
Av. da Abolição, 2727
Meireles, Fortaleza-CE

Postado por: Jornalismo - Sistema Maior de Comunicação


Ordem de serviço para construção da primeira etapa da nova sede da Câmara é assinada

Prevista para ser concluída em abril de 2015, a primeira etapa de construção da nova sede da Câmara Municipal de Quixeramobim, avaliada em R$ 229.406,95, recursos próprios da casa , teve sua ordem de serviço assinada na manhã de ontem, quarta-feira, 29.

Com 384 metros quadrados, a obra contempla no térreo, o plenário onde serão realizadas as sessões e, no andar superior, os gabinetes dos vereadores. De acordo com Clébio Pavone, a obra é um sonho que se realiza: “Desde que iniciei como vereador escutava falar neste projeto e, agora, depois de muito esforço, estamos vendo esse momento histórico se concretizar”, disse.
Após a assinatura da ordem de serviço os vereadores presentes à solenidade fizeram questão de assentar os primeiros tijolos da obra. Além dos parlamentares, compareceram ao evento o prefeito em exercício, Tarso Borges, o prefeito licenciado Cirilo Pimenta e secretários municipais. A nova sede está sendo construída na Avenida Dr. Joaquim Fernandes, no terreno localizado ao lado do Estádio Álvaro de Araújo Carneiro.

As sessões do legislativo ocorrem semanalmente, às quartas-feiras, no Salão Paroquial localizado na Praça da Matriz. O setor administrativo continua funcionando na Casa de Câmara e Cadeia, local onde por muito tempo funcionou o plenário do legislativo. O plenário passou a funcionar no Salão Paroquial por falta de espaço e acessibilidade na Casa de Câmara e Cadeia.
O prédio da Casa de Câmara e Cadeia foi tombado como Patrimônio Histórico Nacional pelo Pró-Memória, hoje Instituto Brasileiro do Patrimônio Cultural, e segue o mesmo projeto arquitetônico das Casas de Câmara e Cadeias do restante do País. O prédio destaca-se entre outros do mesmo tipo no Ceará pela existência de uma escada externa de dois lances.
Construída na primeira metade do século XIX, a Casa de Câmara e Cadeia sedia hoje apenas o setor administrativo do parlamento de Quixeramobim e situa-se próximo a Praça da Matriz. Segundo já foi revelado pelo prefeito Cirilo Pimenta, o objetivo é tornar a Casa de Câmara e Cadeia o local que abrigará o Arquivo Público Municipal. Muitas entidades defensoras da cultura, arte e história do município defendem a criação do arquivo, dada a importância de Quixeramobim para a história do Ceará.

Postado por: Jornalismo - Sistema Maior de Comunicação

Com a palavra o padre Reginaldo Manzotti

Filhos e filhas,
Senhor, para os que creem em vós, a vida não é tirada, mas transformada”.

Começo a mensagem de hoje com esta prece que está no Missal Romano, faz parte do Prefácio – que começa a Oração Eucarística – da Missa de Finados, que celebraremos domingo, dia 02. Este não deve ser um dia de tristeza porque a Ressurreição de Jesus nos consola, mas pode ser de saudade daqueles que amamos e já partiram.

Sem dúvida, a morte nos assusta, intimida e faz com que, constantemente, reflitamos sobre a fragilidade da condição humana. Não raro, nos momentos de perda, especialmente aquelas mais inesperadas, ouvimos alguém dizer: “Nós não somos nada”. O desespero e a melancolia são plenamente justificáveis para quem encara a morte como o fim de tudo, mas não para o cristão.

O ponto de partida para encararmos a morte é justamente o exemplo de Jesus Cristo, que venceu a morte. A fé em sua ressurreição e na continuidade da vida após a morte é fundamental, tanto para nossa própria existência de finitude quanto para vivermos o luto de quem já se foi.

É de grande importância saber lidar com as situações de perdas e encarar a morte de uma forma cristã. Por isso, nos momentos de perda, quando a dor nos leva ao desespero, lembrem-se: a morte não é o fim e rezem, colocando na presença de Deus toda a angústia, saudade, para que não vire tristeza, mas se torne esperança.

Como fiz no livro “10 Respostas que vão mudar a sua Vida”, gostaria ainda de partilhar uma experiência pessoal, não como padre, mas como um ser humano que já teve perdas significativas na vida. Um grande pregador disse num sermão: “No céu, ninguém pertencerá a ninguém, mas reconheceremos quem verdadeiramente amamos”.

Ouvir isso me fez muito bem, não apenas pela certeza de que ninguém pertencerá a ninguém, pois quem garante isso é Jesus Cristo, mas também, e sobretudo, pelo consolo de saber que o verdadeiro amos nos fará estar juntos novamente no céu.

Finalizo esta mensagem que alguém atribuiu a Santo Agostinho, não ouso comentar, apenas peço que leia e tire suas próprias conclusões:

A MORTE NÃO É NADA
A morte não é nada. Eu somente passei para o outro lado do Caminho.
Eu sou eu, vocês são vocês. O que eu era para vocês, eu continuarei sendo.
Me deem o nome que vocês sempre me deram, falem comigo como vocês sempre fizeram.
Vocês continuam vivendo no mundo das criaturas, eu estou vivendo no mundo do Criador.
Não utilizem um tom solene ou triste, continuem a rir daquilo que nos fazia rir juntos.
Rezem, sorriam, pensem em mim. Rezem por mim.
Que meu nome seja pronunciado como sempre foi, sem ênfase de nenhum tipo. Sem nenhum traço de sombra ou tristeza.
A vida significa tudo o que ela sempre significou, o fio não foi cortado. Por que eu estaria fora de seus pensamentos, agora que estou apenas fora de suas vistas?
Eu não estou longe, apenas estou do outro lado do Caminho…
Você que aí ficou, siga em frente, a vida continua, linda e bela como sempre foi.

Deus abençoe,
Padre Reginaldo Manzotti

Maconha: Alteração sobre droga passa na CCJ

A Comissão de Constituição e Justiça (CCJ) do Senado aprovou ontem duas novidades na Lei de Drogas: a importação legal de produtos derivados de maconha para uso medicinal e a definição de uma quantidade mínima para diferenciar usuário e traficante. As mudanças foram apresentadas pelo senador Antonio Carlos Valadares (PSB-SE) e ainda dependem da aprovação de outras quatro comissões de senadores para ser colocada em votação no plenário da Casa para virar lei nacional.

O senador defendeu a liberação de derivados de Cannabis - o princípio ativo da maconha - para fins terapêuticos como uma tendência médica já reconhecida pelo Poder Judiciário, que tem dado ganho de causa a pacientes que processam o Estado para tratamento de doenças.

"Optamos por seguir a tendência que já vem sendo encampada pelo Judiciário, que é de permitir a importação de 'canabinoides' para uso medicinal, em casos específicos de certas doenças graves", disse. A importação de remédio à base de maconha foi discutida em uma série de seminários na Comissão de Direitos Humanos (CDH) e Legislação Participativa do Senado. (Fonte: Diário do Nordeste)

Páginas na web querem promover reconciliação entre eleitores de Dilma e Aécio

O clima pesou nas redes sociais na reta final das campanhas para a eleição presidencial. Todos os dias, textos raivosos contra a presidente reeleita Dilma Rousseff ou o então candidato Aécio Neves eram publicados no Facebook e, junto com eles, dezenas de amizades virtuais eram desfeitas. Esta não foi apenas a eleição presidencial mais disputada da história nas urnas, mas também nas mesas de bar, nos pontos de ônibus e na web.
Mas, passada a fúria eleitoral, é hora de restabelecer os laços partidos, segundo algumas páginas criadas nos últimos dias. O site “Coxinha S2 Petralha” sugere frases que promovem a reconciliação entre “aecistas” e “petistas”.
A fanpage “Amigo Partido”, do Facebook, também tenta mostrar, com toda ternura, que não é preciso abrir mão de um amigo que não compartilha de seu posicionamento político. (Fonte: O GLOBO)

Governo lança campanha de vacinação contra a poliomielite e o sarampo

O ministro da Saúde, Arthur Chioro, lança hoje (30) a Campanha Nacional de Vacinação contra o Sarampo e a Paralisia Infantil.

O lançamento ocorrerá durante a 14ª Mostra Nacional de Experiências Bem-Sucedidas em Epidemiologia, Prevenção e Controle de Doença, que ocorre até amanhã (31).  A mostra reúne, durante  quatro dias, cerca de 4 mil profissionais, entre trabalhadores e gestores do Sistema Único de Saúde, para trocar informações sobre o aprimoramento do setor.

Os sintomas mais comuns do sarampo são febre, tosse seca, exantema (manchas avermelhadas), coriza e conjuntivite. A poliomielite causa lesões que afetam o sistema nervoso, provocando paralisia, principalmente nos membros inferiores. (Fonte: Agência Brasil)

"Brasil não sai dessa crise sem um grave colapso", diz Ciro

Ciro Gomes, secretário da Saúde do Estado, afirmou que nenhum dos candidatos à Presidência, na eleição deste ano, demonstrou compromisso em celebrar um projeto econômico para o País. “Todos eles discutiram, prostrados diante do setor financeiro, nuances de conservadorismo. E com esse conservadorismo o Brasil não sai dessa crise sem um grave colapso”.

Com US$ 86 bilhões de déficit nas transações correntes com o estrangeiro, tem-se um efeito no País de uma transação crônica, crescente sobre o câmbio, e uma moeda que tende a se desvalorizar, avalia. Para ele, esta é a ameaça inflacionária real que não pode ser combatida com taxa de juros, política do Governo de Dilma Rousseff (PT).

Questionado se esse é o momento do Brasil crescer ou conter a inflação, Ciro diz que o País só terá estabilidade se crescer. “Se não crescer a proporção da dívida versus PIB e seus efeitos fiscais vai continuar se deteriorando. Não te equação para o desequilíbrio nas nossas contas externas”.

Ele acredita que prevaleceu a lucidez do brasileiro que preferiu guardar alguns valores centrais com a reeleição da presidente, frente ao “entreguismo alienante do PSDB”.Ciro Gomes diz, ainda, que se nada for mudado Dilma pode não concluir o seu mandato. “Eu não gosto da coalizão que está no poder do Brasil com a Dilma, PT-PMDB. Se não for mudada, inclusive no plano moral, talvez a Dilma não consiga terminar seu mandato. (Fonte: O POVO)

Dilma eleva teto de gastos da campanha presidencial para 383 milhões de reais

Dilma: campanha milionária
A campanha de Dilma Rousseff elevou mais uma vez o seu limite de gastos para a campanha: o teto chegou a 383 milhões de reais.

No dia 20 de outubro, a campanha petista já havia aprovado a elevação do teto de 298 milhões de reais para 338 milhões de reais.

A alteração solicitada foi deferida pela ministra do TSE Maria Thereza de Assis Moura.

Com a vitória, não será difícil passar o chapéu nas grandes empresas e arrecadar a grana.(Do Radar Online)

Ministério Público apresenta balanço da atuação nas eleições

SITE MP ONDAS.jpg
No pleito eleitoral de 2014, o Ministério Público do Estado do Ceará empreendeu diferentes esforços para combater as irregularidades e garantir o exercício da democracia.

De acordo com o coordenador do Centro de Apoio Operacional Eleitoral (Caopel), Raimundo Nogueira Filho, no primeiro turno, 201 promotores de Justiça atuaram nas 123 zonas eleitorais do Estado, sendo 13 deles na Capital e 188 no Interior. Já no segundo turno, foram convocados 22 promotores a mais para reforçar a fiscalização em Fortaleza, Sobral, Juazeiro do Norte e Canindé.

“Este ano nós estávamos mais preparados para combater a corrupção. O MP Estadual teve mais presença nas ruas para fiscalizar diretamente os ilícitos eleitorais e o envolvimento dos promotores foi fundamental para o êxito do processo”,  afirmou o assessor do procurador regional eleitoral, Luiz Abrantes, destacando o empenho tanto dos membros que assumiram o cargo em setembro quanto dos que já exerciam a função eleitoral.

Segundo ele, os 84 novos promotores empreenderam esforços diuturnamente nas suas respectivas comarcas, de domingo a domingo, deslocando-se para as mais distantes secções eleitorais, para acompanhar pessoalmente o trabalho dos agentes de polícia e impetrar ações de busca e apreensão de material irregular de campanha.  (Fonte: MP CE)

Começa transição entre governos Cid e Camilo

Foto: Rodrigo Carvalho
Já foram dados os primeiros passos na transição entre os governos Cid Gomes (Pros) e Camilo Santana (PT). Camilo e a vice-governadora eleita, Izolda Cela (Pros), foram recebidos ontem à tarde por Cid no Palácio da Abolição para tratar da passagem da atual para a futura gestão.

“Estamos elaborando a quatro mãos um decreto que deverá ser assinado e vai regulamentar a transição. Tem tudo para ser uma transição tranquila”, disse Cid após a reunião.

Uma das providências já tomadas pelo governador foi dar a Camilo acesso ao programa de Monitoramento das Ações e Projetos Prioritários do Estado, o Mapp.

“Ele já está com a senha master para acompanhar tudo. Será facultado a ele acesso a todas as informações de balanço, custeio, estrutura de secretarias, para que ele tenha pleno conhecimento quando assumir em primeiro de janeiro”, afirmou Cid.

Entre os integrantes da administração que dispõem da senha master para acessar o Mapp estão o secretário da Casa Civil, Arialdo Pinho, e o chefe de gabinete de Cid, Abreu Dantas. (Fonte: O POVO)

Os bastidores do vai e vem ministerial: os feridos, os fortalecidos e os irritados

Dilma reeleita: corrida ministerial movimenta Brasília
Prata da casa — Os que tinham a esperança de que Dilma escolhesse um nome de mercado para o Ministério da Fazenda terão de encarar os fatos: a presidente ficará mesmo com seu rebanho na hora de compor a equipe econômica. Nada de banqueiros. Tampouco vão embarcar economistas de linhagem diferente da desenvolvimentista. Até o momento, o mais cotado é Nelson Barbosa, ex-secretário-executivo do Ministério da Fazenda.

Melhor que nada — No mercado financeiro, o nome de Barbosa não é malquisto como o de seu ex-chefe, Guido Mantega. "Não concordo com o que ele pensa. Mas o respeito como economista. Já o Mantega...", diz um gestor de fundos. Em Brasília, o sentimento é de que a presidente não morre de amores por ele, mas precisa de um ministro com características conciliadoras e que aceite, sem maiores crises, que o chefe da pasta será mesmo ela.

Fica, vai ter bolo — O atual presidente do Banco Central, Alexandre Tombini, embora não seja aclamado pelo mercado, é visto pelos governistas como um nome que "não causa muitos problemas". O governo pode fazer, contudo, mudanças pontuais em algumas diretorias do BC. Já na Fazenda, o único dos atuais secretários que deve permanecer na pasta é Dyogo Oliveira, que ocupou a secretaria-executiva interinamente após a saída de Nelson Barbosa.

Quase lá — Para a pasta da Agricultura, a senadora Kátia Abreu é a número um da fila. Não é de hoje que a presidente da Confederação Nacional da Agricultura (CNA) pavimenta seu caminho até a Esplanada. Nos dois últimos anos, principalmente em 2014, houve uma aproximação forte com a presidente Dilma.

Doce — Sem função parlamentar em 2015, depois da derrota nas eleições para governador do Rio Grande do Norte, Henrique Eduardo Alves vem sendo sondado pelo governo para assumir a pasta da Previdência, que é comandada pelo seu tio, Garibaldi Alves.

Prêmio de consolação — Dar a Previdência a Henrique Alves é a estratégia do governo para acalmar os ânimos do peemedebista depois da derrota que sofreu em seu estado natal. Alves ficou irado depois que o ex-presidente Lula apareceu apoiando seu adversário Robinson Faria (PSD-RN).

Nova ala — O atual ministro-chefe da Casa Civil, Aloizio Mercadante, tem não apenas tentado se manter forte no governo, mas também procura emplacar nomes em outras pastas. Uma das tentativas de Mercadante é arrumar um substituto para Paulo Bernardo, que hoje ocupa o Ministério das Comunicações.

Balão de ensaio — A escolha dos novos ministros do governo Dilma está dividida em várias frentes. De um lado, o presidente nacional do PT, Rui Falcão, está conversando com os partidos aliados à sigla para dar início à distribuição de ministérios. Do outro, o articulador é o ex-presidente Luís Inácio Lula da Silva, que tem contado a diversos aliados os nomes que gostaria no governo, como forma de testá-los junto à opinião pública. Os rumores sobre o presidente do Bradesco, Luiz Carlos Trabuco, assumir a Fazenda são de autoria do ex-presidente.

Em alta — Novato na pasta, o ministro da Saúde, Arthur Chioro, tem grandes chances de permanecer no cargo. Nos bastidores de Brasília, fala-se que seu nome é defendido com afinco por empresários da indústria farmacêutica.

Órfão — Derrotado, o ex-ministro Alexandre Padilha (PT-SP) também poderia voltar para Brasília, já que ficou sem nenhum cargo. A dificuldade da volta está no fato de seu nome ter sido citado nas denúncias da Operação Lava-Jato, apesar de nada ter sido comprovado.

Pé na rua – Quem não ficará no governo são os ministros Guido Mantega (Fazenda), Marta Suplicy (Cultura) e Mauro Borges (Desenvolvimento).

Direto de Minas — Josué Gomes, filho do ex-vice-presidente José Alencar, é um dos mais cotados para assumir a pasta do Desenvolvimento no lugar de Mauro Borges. Petistas afirmam que, mesmo derrotado no Senado, Gomes fez a "lição de casa" durante as eleições. (Fonte: Veja)

quarta-feira, 29 de outubro de 2014

Vereador petista anuncia saída da bancada oposicionista e assume posição de independência

Foto: Facebook CMQ
As eleições para governador e presidente serviram não apenas para eleição de Camilo Santana e Dilma Rousseff, ambos do PT, mas também para causar uma reviravolta no cenário político de muitos municípios, dentre eles, Quixeramobim.

Historicamente coordenada pelo PT do deputado José Nobre Guimarães, o PSB dos vereadores Rômulo Filho e Teodomiro Neto, ligados diretamente ao médico Rômulo Coelho, que apesar de ser filiado ao PROS, resolveu romper com o grupo liderado pelo governador Cid Gomes para apoiar o senador Eunício Oliveira, na sua recente candidatura ao Governo, a oposição do município de Quixeramobim viu o cenário mudar no último pleito eleitoral.

Acostumados a comporem, em diversas ocasiões, o bloco político de oposição local se dividiu e acabou possibilitando o surgimento de uma nova conjuntura. A mudança no cenário começou com o prefeito Cirilo Pimenta (PSD) que, após um intenso trabalho no primeiro turno ao lado dos movimentos sociais e do Partido dos Trabalhadores (PT ) local, conseguiu assumir, no segundo turno, a coordenação geral da campanha do petista Camilo Santana no Sertão Central.

O PT local, antes integrante do bloco opositor, viu o prefeito Cirilo Pimenta (PSD) aliar-se ao grupo governista- do qual faz parte em âmbito estadual- em torno do nome de Camilo e o fortalecimento conquistado pelo gestor na campanha refletiu diretamente na situação política do município.

Nesta quarta-feira, 29, durante sessão ordinária da Câmara Municipal, o único vereador petista do município e ferrenho oposicionista à gestão, Paulo Ferreira, anunciou rompimento com a bancada oposicionista, integrada pelos vereadores Rômulo Coelho e Teodomiro Neto, e deixou claro que permanecerá fazendo oposição, mas de forma independente.

Segundo o parlamentar, o mapa político de Quixeramobim ganhará novas configurações visto que as forças políticas do município se mobilizaram de forma singular nesta eleição. Paulo lembrou que após uma reunião com o conselho de seu mandato decidiu assumir a posição de independência na Câmara Municipal frente à bancada oposicionista.

“O Partido dos Trabalhadores na Câmara Municipal continuará tendo  a mesma postura que teve até hoje frente à questão municipal e também terá uma postura de independência no quis diz respeito a bancada de oposição. Nós seguiremos com respeito, com amizade e com toda a consideração que temos aos vereadores Rômulo Filho e Teodomiro Fernandes, mas o Partido dos Trabalhadores e o nosso mandato, terão uma postura independente. Essa é uma decisão de um colegiado, uma decisão do grupo político ao qual pertencemos e da mesma forma continuaremos na ação fiscalizadora”.

Na Câmara, além de Rômulo Filho e Teodomiro Neto, a vereadora Cristina Pimenta (PSB) também foi eleita pela base oposicionista, mas a parlamentar- que é irmã de Cirilo Pimenta- sempre preferiu não se manifestar sobre o assunto e tem demonstrado ao longo de seu primeiro mandato uma posição de defesa ao irmão.

Postado por: Jornalismo - Sistema Maior de Comunicação

ESET alerta para novo golpe que usa falsa notícia sobre fraude nas eleições presidenciais do Brasil

Exemplo de fraude sobre as eleições
A ESET – fornecedora de soluções de segurança da informação – alerta para um novo ataque utilizando o nome da recém-reeleita presidente do Brasil, Dilma Rousseff. O golpe é disseminado por um e-mail que sugere ter o link para uma falsa notícia afirmando que a Polícia Federal confirma fraude nas eleições 2014 e usa a imagem de um grande portal de notícias brasileiro.

Assim como nos outros ataques desse formato, ao posicionar o cursor do mouse em cima da imagem, sem clicar, é possível verificar para o real endereço de origem da notícia – que não coincide com o site do portal de notícias. Na prática, ao acessar o link, o usuário faz o download de um arquivo executável (.EXE), que simula ser a notícia real. Ao executar o arquivo para ver a suposta notícia, sem que o usuário perceba, seu computador é imediatamente infectado pela ameaça, identificada pela ESET como Win32/Injector.BOGD troyano.

De acordo com os especialistas da ESET, o ataque foi iniciado em 27 de outubro e já infectou milhares de usuários no Brasil. “Mais uma vez, vemos como os cibercriminosos utilizam os temas mais polêmicos e que estão na mídia para atacar computadores do mundo inteiro. Dessa forma, recomendamos que o usuário preste muito atenção antes de clicar e abrir e-mails e anexos e adicionar suas informações pessoais, manter os softwares e sistema operacional sempre atualizado, recomenda Ilya Lopes, especialista de segurança da ESET América Latina. (Fonte: Diário do Nordeste)

Lula diz que disputará Presidência em 2018, diz jornal

O ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) tentará ter maior interferência no segundo mandato de Dilma Rousseff (PT) e já cogita ser candidato ao Planalto em 2018. A informação é do jornal Folha de S. Paulo, que revela que o petista, em conversas recentes, estaria pela primeira vez admitindo a possibilidade de voltar à disputar a Presidência.

Segundo interlocutores ouvidos pelo jornal, o ex-presidente teria dado o recado neste domingo, 26, após confirmação da reeleição de Dilma. Em discussões internas, o PT já estaria tratando volta de Lula como oficial. Em 2018, o petista terá 73 anos.

Nota do Instituto Lula enviada à Folha, no entanto, minimiza a especulação: "No último domingo, dia da eleição, quando perguntado sobre 2018, declarei que, completando 69 anos, minha única expectativa para daqui a quatro anos é estar vivo".

Com participação marcante na campanha de Dilma, possibilidade de candidatura do ex-presidente ajuda a manter coesa base de apoio da presidente. Caso Lula fique fora da disputa, a perspectiva é que diversos partidos aliados cresçam os olhos sobre a sucessão de Dilma em 2018. (Fonte: O POVO)